Primeiro Dia de Trabalho

Cheguei no trabalho pensando em viaturas; cheguei em casa pensando em ovelhas.

As chamas do campo de batalha celeste remanesciam no horizonte, declarando a vitória iminente do dia. À frente do muro branco, as viaturas eram pedaços negros de noite, desertores de uma guerra perdida. Ocupavam toda a lateral direita do extenso pátio que leva à CORE, estacionadas quase a noventa graus, apontando enviesadas para a saída como se loucas para partir. Antigamente, eu diria estarem sedentas por combate; hoje, penso desejarem ir para casa. Só eu parecia querer estar ali, já que chegava na direção contrária. Mas era só impressão.

Continuar lendo