Truby e o Mundo da Estória

O mundo da estória, explica John Truby em “A Anatomia da Estória”, é “uma teia complexa e detalhada na qual cada elemento tem um significado na estória e é, de alguma forma, uma expressão física da teia de personagens e especialmente do herói”. Ele usa o termo “condensador-expansor”, porque o mundo da estória condensa significado e depois o expande gradualmente para a mente do público, como mensagens subliminares trabalhando em segundo plano. Como dizemos no jargão de Operações Especiais, você deve tentar conquistar “corações e mentes” do seu público, e com o mundo certo para a sua estória, você faz exatamente isso.

Você encontrará o mundo da estória no seu princípio de design. O que você faz é pegar a sequência aproximada da estória e expandi-la tridimensionalmente para criar o mundo da estória. Você deve tentar encontrar uma única arena onde sua estória irá habitar. E, da mesma forma que você transmite tema e argumento moral ao dramatizar as oposições contidas na teia de personagens, você também define o mundo da estória dentro de sua arena dramatizando oposições visuais. E você faz isso combinando três elementos principais: o terreno (ambientes naturais), as pessoas (espaços feitos pelo homem) e a tecnologia (ferramentas).

Você deve ser diligente na busca de ambientes naturais para a sua estória, porque eles (assim como o clima) carregam uma infinidade de significados ocultos que podem fornecer poderosas representações físicas das experiências internas dos personagens, além de evocar sentimentos fortes na plateia. Os espaços feitos pelo homem, por sua vez, costumam ser usados ​​para expressar fisicamente, como um microcosmo, o herói e a sociedade em que ele vive. As ferramentas estendem a capacidade e o poder humano, tornando-se parte da identidade do personagem e ajudando-o a manipular e conectar-se ao mundo.

O tempo é o quarto elemento principal usado para construir o mundo da sua estória, e há várias técnicas para isso. O ciclo das estações e feriados com seus rituais, ou um único dia ou um relógio marcando o tempo são todos modos de passagem do tempo que podem ser usados ​​para expressar o significado, o ritmo e o desenvolvimento da estória, bem como funcionar como pano de fundo para enfatizar mudança e drama.

Mas a pérola mais importante deste capítulo, na minha opinião, é que assim como o seu herói não é estático, mas se desenvolve seguindo o arco do personagem, o mundo também deve se desenvolver. O mundo é uma expressão física — uma metáfora — de quem é seu herói no começo da estória e de quem ele irá se tornar no final. Portanto, o mundo deve incorporar, realçar e acentuar a fraqueza do seu herói, e fazer o mesmo pelo seu novo eu depois da batalha e de suas revelação moral e escolha.

Mas a conexão entre o seu herói e o mundo da estória não acontece apenas nos pontos finais da estória. Você tem que conectar o mundo com o herói, seguindo seu desenvolvimento geral, a cada passo da estória. E você faz isso criando uma espécie de sete etapas visuais. Cada uma delas é um mundo visual único dentro da arena geral da estória. Truby propõe uma lista semelhante à que já vimos em “O Esqueleto da Estória”, a saber:

  1. Fraqueza e necessidade;
  2. Desejo;
  3. Oponente;
  4. Derrota aparente ou liberdade temporária;
  5. Visita à morte;
  6. Batalha;
  7. Liberdade ou escravidão.

Os elementos em negrito formam os submundos nos quais você deve se concentrar. A esta estrutura de sete etapas você anexa elementos físicos do mundo, como ambientes naturais, espaços criados pelo homem, tecnologia e tempo. É assim que personagens e mundo se entrelaçam organicamente para contar uma estória melhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s